Aziz contraria Renan e quer fim da CPI: “Não tem mais o que ver”

 


Aziz contraria Renan e quer fim da CPI: “Não tem mais o que ver”

Presidente da Comissão quer entrega do relatório na próxima semana
O presidente da CPI da Covid-19, senador Omar Aziz, declarou nesta sexta-feira (24) que é a favor do encerramento da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Covid-19 na próxima semana, demonstrando divergência do relator Renan Calheiros, que deseja adiar a Comissão por algumas semanas, para ouvir novamente o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga.
– Por mim, termino [a CPI] na semana que vem. 
Não tem mais o que ver – disse Aziz ao colunista Igor Gadelha, do Metrópoles.
De acordo com o colunista, outros senadores consideram que a CPI já chegou à “exaustão” e partilham da mesma opinião de Aziz.
O encerramento da Comissão, além de impedir que Queiroga seja ouvido pela terceira vez, também deve inviabilizar a reconvocação do ex-secretário-executivo do Ministério da Saúde Élcio Franco.
O senador Renan Calheiros é o principal defensor do adiamento da CPI e da convocação de Queiroga e de Élcio.
Recentemente ele afirmou que a comissão “só acaba depois de ouvirmos Queiroga” e defendeu que o ex-secretário da Saúde seja o último a depor na Comissão.
Apesar do desejo de Aziz e de outros senadores, a decisão de quando o relatório será concluído cabe a Renan. 
De acordo com o colunista, interlocutores do senador afirmaram que ele ainda não decidiu quando entregará o documento.

Postar um comentário

0 Comentários