PCDF prende 10 pessoas de quadrilha no DF que planejava roubo de carros, veja

 

Foto divulgação PC/DF

Nas primeiras horas da manhã desta terça-feira (7/12), a Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF) deflagrou a operação Linha de Frente e prendeu 10 criminosos integrantes de uma organização criminosa especializada em furtos e roubos de veículos. Estima-se que o grupo esteja envolvido em, ao menos, 16 ocorrências criminais na capital.
A operação, desencadeada pela Coordenação de Crimes Patrimoniais (Cor Patri), é um desdobramento da operação Marco Zero, deflagrada em 12 de agosto do ano passado, em que 15 pessoas integrantes da organização foram presas.
Para cometer o crime, o grupo se dividia em "núcleos" de atuação. Segundo as investigações, havia um núcleo de liderança, composto por membros que planejavam e organizavam as empreitadas criminosas, escolhendo as vítimas, os participantes do crime, e decidindo a destinação dos objetos roubados.
No núcleo dos executores, ficavam as pessoas da linha de frente, ou seja, as que cometiam o crime. Já o terceiro núcleo era formado por adulteradores de sinais identificadores de veículos, responsável por viabilizar a circulação e comercialização de carros produto de crimes.

Com informações do Correio Brasiliense

Postar um comentário

0 Comentários