Bolsonaro diz que Fraga pode assumir Segurança Pública: “É meu amigo” | Informa Tudo DF


Pasta foi criada em 2018 por Michel Temer, mas fundida à Justiça no governo Bolsonaro. Ministério era comandado por Sergio Moro.
O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) afirmou nesta quinta-feira (07/05) que, caso o Ministério da Segurança Pública seja recriado, o ex-deputado Alberto Fraga poderá assumir a pasta. “No futuro, quem sabe. É meu amigo desde 1982”, disse.O Ministério da Segurança Pública foi criado em fevereiro de 2018 pelo então presidente Michel Temer, a partir de um desmembramento do Ministério da Justiça. Comandada pelo ex-deputado Raul Jungmann, a pasta ficou responsável por Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal e Força Nacional de Segurança.
Ao assumir a Presidência, em 2019, Bolsonaro optou por reunir novamente Justiça e Segurança em uma única pasta, chefiada pelo então ministro Sergio Moro.

Os dois se conheceram em 1982 Reprodução

Reprodução/ Instagram
Alberto Fraga e Jair Bolsonaro se encontraram hoje com policiais militares no Clube dos Oficiais da PM Geilson Lima/Divulgação


Depois do curso, os dois militares se afastaram e vieram a se reencontrar em 1994 Reprodução

Frequentaram a Escola de Educação Física do ExércitoReprodução

Os dois se conheceram em 1982 Reprodução


Reprodução/ Instagram
Agora, após o ex-juiz ter anunciado que deixaria o governo, o presidente estuda a recriação da pasta. Bolsonaro afirmou que o atual ministro da Justiça e Segurança Pública, André Mendonça, concorda com a medida, caso seja necessária. “Pode acontecer. Não está prevista ainda, tem muita coisa pela frente, não vou entrar em embate de divisão agora”, disse, ao chegar ao Palácio da Alvorada no fim da tarde. “Já conversei com André [Mendonça, ministro da Justiça]: ‘Se tiver lá na frente, não digo pressão, mas uma necessidade, o que você acha?’ Ele disse que sem problema”, relatou.


Fonte: Metropoles


Mais informações

Postar um comentário

0 Comentários