Sabatina de Mendonça pode ser ‘destravada’; ENTENDA


Entre os dias 30 de novembro e 2 dezembro, o Senado vai realizar um “esforço concentrado” para analisar e votar indicações de autoridades para cargos públicos. 
A promessa é do presidente da Casa, Rodrigo Pacheco (PSD-MG). 
A iniciativa pode destravar a indicação do ex-advogado-geral da União André Mendonça para o Supremo Tribunal Federal (STF). Passados mais de três meses, Mendonça aguarda que Davi Alcolumbre (DEM-AP), presidente da Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania, marque a sabatina.
“Fica designado pela presidência esse período de esforço concentrado do dia 30 de novembro, 1º e 2 de dezembro, terça, quarta e quinta-feira, para que possamos fazer apreciação de todos os nomes”, anunciou Pacheco, na quarta-feira 3. “Tanto os nomes pendentes de plenário, quanto aqueles pendentes nas comissões permanentes da Casa”, disse.
 “Solicito a presença física de todos os senadores para que tenhamos melhor quórum possível para apreciação”, pediu o presidente do Senado, ao exaltar a importância da Casa no assunto.

Fonte: Terra Notícias Brasil 

Postar um comentário

0 Comentários